[ad_1]

Em Pernambuco, até esta quinta (16), 160 mortes foram contabilizadas entre 1.683 casos confirmados do novo coronavírus. Isso significa que 9,56% dos diagnósticos resultaram em óbitos, o que faz a taxa de letalidade no estado ser maior do que a do Brasil (veja vídeo acima). Segundo o Ministério da Saúde, o país teve 1.924 mortes e 32.425 confirmações, ou seja, o número de óbitos equivale a 5,9% dos casos.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, os dados sobre a doença Covid-19 em Pernambuco podem ser cinco vezes maior. A subnotificação acontece porque são testadas apenas as pessoas que apresentam sintomas graves ou profissionais de saúde, que lidam diretamente com infectados. Se todos os assintomáticos fossem testados, os números seriam ainda maiores.

Taxa de letalidade dos casos do novo coronavírus em Pernambuco é de 9,56% até esta quinta-feira (16)  — Foto: Reprodução/ TV Globo

Taxa de letalidade dos casos do novo coronavírus em Pernambuco é de 9,56% até esta quinta-feira (16) — Foto: Reprodução/ TV Globo

“Isso é mesmo uma roleta russa. Algo que pode acontecer com qualquer um. Eu via toda hora gente morrendo, gente que era mais novo que eu. E eu tenho 57 anos de idade”, disse o engenheiro eletrônico Carlos Augusto Costa, um dos curados da Covid-19 no estado.

Aproximadamente, dois terços das pessoas que contraem a Covid-19 não percebem, mas podem transmitir a doença. Uma a cada três pessoas com a Covid-19 confirmada trabalha dentro dos hospitais.

Dos cerca de 700 profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do Recife, 43 foram afastados porque receberam a confirmação de que estão com Covid-19 até a quarta-feira (15).

“Nosso compromisso é garantir segurança na atuação deles com a distribuição adequada de EPIs [equipamentos de proteção individual] e também fazer a testagem o mais rápido possível no desenvolvimento de qualquer sintoma desses profissionais”, disse o secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo.

Dede que as primeiras suspeitas surgiram no estado, no dia 26 de fevereiro, a Secretaria de Saúde de Pernambuco investigou 5.159 pessoas e 2.222 suspeitas foram descartadas. Já a quantidade de novos doentes cresce de uma maneira veloz.

“Você ou alguém próximo pode precisar de um leito de UTI e ou sobre a necessidade de leito, não espere que nos hospitais particulares haverá um esperando por você”, disse o secretário André Longo.

Em março, Pernambuco tinha 1.018 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e a corrida para preparar novos leitos é grande. A meta é chegar a 1 mil novos, sendo 400 de UTI dedicados aos pacientes com a Covid-19.

O estado se organiza para inaugurar uma nova central de regulação, que serve para localizar leitos disponíveis. No meio da multiplicação dos casos esperada para as próximas semanas, isso pode ser fundamental.

“Nós estamos contratando 120 profissionais, tanto médicos quanto enfermeiros e outros profissionais, para ampliar essa regulação, que será provisoriamente montada e ampliada no Centro de Convenções de Pernambuco”, afirmou André Longo.

Dicas de prevenção contra o coronavírus  — Foto: Arte/G1Dicas de prevenção contra o coronavírus  — Foto: Arte/G1

Dicas de prevenção contra o coronavírus — Foto: Arte/G1

[ad_2]

Source link