Santa Catarina chegou à marca de 100 mil casos confirmados de coronavírus, segundo o boletim do governo do estado divulgado no final da tarde desta sexta-feira (7). Os dois primeiros pacientes que Santa Catarina teve foram em Florianópolis. Esses dois casos foram confirmados pelo governo do estado em 12 de março. Confira abaixo os principais dados do boletim desta sexta.

  • 101.582 mil casos confirmados. Na quinta (6), eram 98.634 mil
  • foram acrescentados ao boletim 2.948 casos em 24 horas
  • 1,4 mil mortes. Na quinta, eram 1.357
  • foram acrescentados ao boletim 43 óbitos em 24 horas
  • 88.670 recuperados
  • taxa de ocupação de leitos de UTI na rede pública é de 79,46%
  • 288 leitos vagos
  • 206 mil testes com resultado
  • 6.914 testes em análise
  • 293 municípios têm pelo menos um caso confirmado da doença. O estado tem 295 cidades
  • 172 municípios têm pelo menos uma morte

Dos 1.402 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na rede pública de Santa Catarina, 1.114 estão ocupados, sendo 514 por pacientes com confirmação ou suspeita de Covid-19. No site do governo do estado, é possível verificar a taxa de ocupação desse tipo de leito em cada hospital.

Taxa de ocupação de leitos de UTI na rede pública por região de SC — Foto: Reprodução/Governo de Santa Catarina

Santa Catarina é o 11ª unidade federativa a bater a marca dos 100 mil casos confirmados. Já superaram esse número também Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo.

As mortes mais recentes foram:

  • mulher, 52 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 70 anos
  • mulher, 76 anos
  • mulher, 49 anos
  • mulher, 59 anos
  • homem, 50 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 61 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 39 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 61 anos
  • homem, 61 anos
  • mulher, 65 anos
  • mulher, 80 anos
  • homem, 78 anos
  • homem, 66 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 65 anos
  • homem, 68 anos
  • mulher, 81 anos
  • mulher, 93 anos
  • mulher, 39 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 66 anos
  • homem, 66 anos
  • mulher, 71 anos
  • homem, 78 anos, sem comorbidades registradas
  • mulher, 47 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 53 anos
  • homem, 78 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 62 anos
  • mulher, 60 anos, sem comorbidades registradas
  • homem, 75 anos

Situação do combate à doença em SC

Atualmente, todas as regiões de Santa Catarina são consideradas, em classificação feita pelo governo do estado, como em situação grave ou gravíssima para a Covid-19.

Na quinta, a 2ª Vara da Fazenda Pública de Florianópolis determinou que o governo de Santa Catarina defina as ações de combate ao coronavírus a serem adotadas pelos municípios em cada grau de risco da doença e implemente as medidas sanitárias previstas quando a região atingir o grau gravíssimo, independente da atuação dos municípios.

Em entrevista ao Bom Dia Santa Catairna, o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, afirmou que considera que há uma dificuldade no entendimento dos processos realizados, no entanto disse que os trabalhos estão concentrados para diminuir a velocidade de disseminação do vírus.

Declarou também que a taxa de isolamento social está muito baixa, em torno de 35%, quando deveria ser maior que 60%. Para sensibilizar ainda mais a população sobre a necessidade de só sair de casa quando necessário, o governo prepara uma campanha, que deve ser lançada em breve.

Veja mais notícias do estado no G1 SC



Source link