O presidente da APROBIO Erasmo Carlos Battistella foi recebido em audiência pelo novo ministro de Minas e Energia Fernando Coelho, que lhe afirmou total apoio da pasta ao biodiesel.

Coelho enalteceu a Lei 13.263, de março deste ano, sobre a elevação progressiva do uso do biocombustível na matriz veicular brasileira. Ele defendeu, também, a intensificação dos testes da indústria automobilística em motores de ciclo diesel para avalizar o aumento da mistura dos atuais 7% por litro de óleo diesel para até 15% nos próximos anos.

Primeiro empresário do setor a ser recebido no MME do governo de Michel Temer, Erasmo fez uma explanação do mercado brasileiro de biodiesel, baseado nos pontos fundamentais do Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel, criado em 2005, e como o segmento evoluiu desde então.

Depois da radiografia sobre a produção do biocombustível no país, com seus benefícios ambientais, socioeconômicos e de saúde pública, Battistella pediu a Fernando Coelho uma nova audiência, com empresários de todo o setor, representados pelas três entidades; APROBIO, UBRABIO e ABIOVE, além dos produtores independentes.

O ministro concordou com a ideia e já solicitou o agendamento da reunião para data a ser definida, de acordo com a disponibilidade de todos os envolvidos. Participou da audiência, também, o presidente do PSB no Rio Grande do Sul, Beto Albuquerque.

Fonte: TN Petróleo