[ad_1]

O diretor do Departamento de Finanças da Secretaria da Saúde do Pará (Sespa) morreu por Covid-19. A informação foi confirmada na tarde desta quarta-feira (22) pelo Governo do Pará. De acordo com a nota, o servidor, que não teve a identidade revelada, tinha 42 anos.

De acordo com a Sespa, o servidor estava internado desde o dia 8 de abril, no hospital Abelardo Santos, no distrito de Icoaraci, em Belém. A secretaria não informou se ele possui-a doenças preexistentes.

O diagnostico do diretor foi confirmado no dia 10 de abril, durante um pronunciamento do governador do Pará, Helder Barbalho. Na ocasião, Barbalho anunciou que iria fazer o exame para diagnóstico da Covid-19, já que dois servidores, o diretor de vigilância da Sespa e o Diretor Financeiro da secretaria estavam infectados. Dias depois, o governador anunciou pelas redes sociais, que tinha testado positivo para a doença.

A Sespa emitiu uma nota lamentando a morte do servidor. A secretaria também agradeceu todo o trabalho desenvolvido pelo diretor nos últimos sete anos.

Hospital de Campanha de Belém, que funciona no Hangar Centro de Convenções. — Foto: Bruno Cecim/Agência Pará

Hospital de Campanha de Belém, que funciona no Hangar Centro de Convenções. — Foto: Bruno Cecim/Agência Pará

De acordo com a Sespa, o Pará tem 90% dos leitos de UTI ocupados para tratamento da Covid-19. A Sespa ainda informou que o Pará possui 580 leitos clínicos disponíveis.

Além disso, um estudo divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) aponta o Pará com a terceira maior taxa de crescimento da Covid-19 no país. Ainda de acordo com o levantamento, o número de mortes no Pará dobra a cada quatro dias, mais rápido do que a média nacional.

Segundo Helder, o Governo aguarda a chegada de 400 respiradores, comprados da China, para instalação de leitos de UTI no Hospital de Campanha de Belém. Além disso, de acordo com Helder, 30% das unidades de Santarém, Breves e Marabá também serão transformadas em UTI.

[ad_2]

Source link