Indústria de games vê desafio em se manter crescendo no pós-pandemia (Foto: Pexels)

A pandemia do novo coronavírus limitou as opções de entretenimento em 2020. Com a adoção das medidas de isolamento social, as idas ao cinema foram interrompidas, assim como  a shows e estádios de futebol. O fato de as pessoas passarem mais tempo em casa, no entanto, beneficiou um ramo do setor: o mercado de games.

+ NegNews: confira todos os episódios do podcast

É sobre isso que Sandro Manfredini, presidente da Associação Brasileira de Games, fala no NegNews desta segunda-feira (14/09). Na entrevista, ele conta como 2020 já era um ano de boas  expectativas para o setor, que agora encara o desafio de se manter em alta no mundo pós-pandemia

Ouça o papo abaixo:



Source link