Dos 66 moradores do Abrigo de Velhos Frederico Corrêa, em Itapecerica, 24 testaram positivo para a Covid-19. Destes, 15 estão em isolamento e assintomáticos e outros nove já se curaram da doença. Um dos colaboradores do local também teve resultado positivo para a doença e está isolado. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (21) em uma rede social.

O G1 entrou em contato com a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) e a Prefeitura para confirmar a situação no Abrigo, mas não houve retorno até a publicação desta matéria.

Foram 42 testes negativos em moradores e 30 negativos entre os colaboradores. Os testes foram realizados na última quinta-feira (20) depois que um idoso e um colaborador tiveram confirmações para o coronavírus.

As equipes do Abrigo e da Secretaria Municipal de Saúde estão envolvidos na ação para manter os padrões sanitários aplicáveis contra o coronavírus.

De acordo com a direção da instituição, foi feita uma ação de bloqueio sob supervisão da Secretaria Municipal de Saúde, que realizou todos os protocolos de segurança previstos para a situação, conforme o Ministério da Saúde. A intenção é evitar a contaminação dos abrigados, pois estes fazem parte do grupo de risco.

Balanço dos testes realizados no Abrigo em Itapecerica — Foto: Facebook/Reprodução

Todos os colaboradores e moradores foram testados para a Covid-19, segundo o Abrigo. O único colaborar que testou positivo para a doença está afastado e em isolamento. Sobre os moradores que tiveram a doença confirmada, eles estão assintomáticos, passam bem e não apresentaram manifestação grave da doença.

Ainda em nota, o Abrigo ressalta que o momento não é para pânico e inverdades, que podem prejudicar o bom andamento da instituição.

“As visitas de quaisquer naturezas estão suspensas desde o início da pandemia e todas as condutas sanitárias exigidas estão sendo rigorosamente atendidas. Infelizmente lutamos contra um inimigo invisível e com um poder de contágio nunca visto”, enfatizou a direção do Abrigo.

Leia abaixo a íntegra da nota divulgada:

Nota de esclarecimento divulgada pela diretoria do Abrigo em Itapecerica — Foto: Facebook/Reprodução



Source link