Crianças internadas no Hospital Materno Infantil (HMI) e parentes estão sendo testados para coronavírus depois que um bebê de cinco meses que está internado na Unidade de Terapia de Intensiva (UTI) teve resultado positivo, na sexta-feira (17). O bebê veio de Campinorte, no norte de Goiás, para fazer uma cirurgia no coração, mas por causa do exame positivo, vai precisar se recuperar da doença primeiro.

O hospital informou em nota que o bebê deu entrada com estado grave, não apresentava sintomas clínicos da doença e ninguém informou que a criança teve contato com pessoas infectadas. Segundo a nota, a criança está em ventilação mecânica e sem febre. (leia a íntegra ao final).

Depois da confirmação, todos os outros pacientes e acompanhantes que estão na UTI pediátrica fizeram o teste. Segundo funcionários, alguns apresentam sintomas da Covid-19. Porém, enquanto não saírem os resultados, nenhum dos 10 pacientes e sete acompanhantes podem sair da unidade especial. Agora, o bebê de cinco meses que testou positivo está separado dos outros e com a mãe em um leito de isolamento.

Já os funcionários que tiveram contato com o menino afirmam que ainda não fizeram o exame e seguem trabalhando normalmente. Um colaborador que preferiu não se identificar conta que ninguém sabia o bebê que estava internado desde terça-feira (14) estava com a Covid-19.

“Só foi descoberto porque ele… é protocolo de outro hospital para onde iria mandar ele ser testado antes de ir porque lá não recebem, né, e descobriram. Recebemos a informação que só foram convocados para testagem os médicos e enfermeiros, ou seja, os técnicos, as outras equipes que trabalham na UTI não serão testados”, denuncia o funcionário.

Os funcionários afirmam que o bebê não estava isolado e que toda a equipe manteve contato sem restrições e equipamentos de proteção adequados. “E nós funcionários, todos, não foi só um ou dois, tivemos contato com ele dessa maneira. Demos banho, pulsionamos veia, ajudamos na entubação e na aspiração. Pegamos ele no colo, às vezes, porque a criança estava chorando muito”.

Hospital Materno Infantil em Goiânia, Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Nota do Hospital Materno Infantil

O Hospital Estadual Materno-Infantil Dr. Jurandir do Nascimento (HMI) informa que o estado de saúde do bebê N.B.C. de 5 meses continua grave. Ele está em ventilação mecânica e sem febre. O bebê deu entrada na unidade, na terça-feira (14 de julho), em estado grave com problema cardíaco. Ele não apresentava sintomas clínicos para Covid-19 e não foi informado que ele teve contato com pessoas infectadas. Por precisar de cirurgia, o HMI fez exame no paciente, cujo resultado saiu na sexta-feira, 17, e deu positivo para Covid-19. O paciente segue internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica, em isolamento.

A unidade fez o levantamento de todos os profissionais que tiveram contato com o bebê para realizar o exame. Os outros pacientes internados na UTI pediátrica e os acompanhantes foram isolados e já passaram pela testagem.

Veja outras notícias da região no G1 Goiás.



Source link